ENERGY ACADEMIA - Repire esta ideia

 

 

18/01/2017

Fazer exercício só no fim de semana já traz benefícios à saúde

 

O termo “atleta de fim de semana” sempre foi visto com maus olhos por acreditar-se que, ao malhar apenas no sábado e/ou no domingo, os praticantes de atividade física aumentariam o risco de sofrer lesões, sobrecarregar o coração, além de, muitas vezes, não contar com uma orientação. Mas, segundo um estudo publicado na última segunda-feira (9) na revista científica JAMA Internal Medicine, exercitar-se uma ou duas vezes por semana não é tão prejudicial assim.

Pesquisadores da Universidade Loughborough, na Inglaterra, notaram que pessoas que cumprem, nos dias de descanso, a recomendação de fazer 150 minutos semanais de atividade física moderada ou 75 minutos de exercício intenso têm menos risco de morrer por câncer, doenças cardiovasculares e outras encrencas.

Para chegar a esse achado, os estudiosos analisaram dados coletados entre 1994 e 2012 de 63.591 pessoas que vivem na Inglaterra e na Escócia. As conclusões demonstraram que o risco de morte por qualquer causa é 30% menor entre os atletas de fim de semana em comparação a quem nunca se exercita. Já a probabilidade de falecer por algum problema do coração se mostrou 40% mais baixa entre aqueles que se movimentavam no fim de semana. E a propensão para morrer por câncer, por sua vez, foi 18% menor nesse grupo.

Mas calma lá: apesar dos resultados animadores, os autores do artigo ponderam que eles não podem ser aplicados para todo mundo e tampouco estabelecem uma relação direta de causa e efeito entre ser atleta de fim de semana e ter menos risco de morrer por doenças em geral. O ideal ainda é praticar atividade física com frequência e, sempre que possível, com o acompanhamento de um professor especializado .

Fonte:Revisa Boa Forma

 

Voltar

 

 

 

 

Aula de Sabado
Não ha aulas disponíveis neste dia.